Futebol no Planeta

Tunel do tempo: há 18 anos, Bergkamp marcou um golaço contra a Argentina

Em Julho de 1998, na Copa da França, houve um belo jogo entre Holanda e Argentina que na minha opinião foi um dos melhores daquela copa. Um jogo disputadíssimo que foi decidido com um golaço, uma verdadeira pintura de Dennis Bregkamp.

Quando iniciaram a partida na tarde ensolarada de Marselha, ambos os times vinham de partidas difíceis nas oitavas de final. A Argentina precisou da disputa de pênaltis para eliminar a Inglaterra de Beckham, Owen e Shearer. Já a Holanda só conseguiu bater a extinta Iugoslávia por 2 a 1 com um gol de Davids aos 47 do segundo tempo.

A seleção Argentina era composta de verdadeiros craques. Para segurar o jogo a Argentina contava com nomes como Zanetti, Ayala e Simeone, deixando o ataque mais despreocupado com craques como Verón, Ortega e Batistuta. A Holanda também não estava fraca e contava com jogadores como Seedorf, Davids e uma dupla de ataque de respeito com Kluivert e Bergkamp. E foi ele mesmo que inaugurou o marcador logo com 12 minutos de jogo.

holanda-1998

Kluivert, que tinha 22 anos recém-completados, recebeu uma assistência impecável de Bergkamp para só tocar na saída de Roa. Cinco minutos depois, foi a vez de Claudio López aproveitar ótimo passe de Verón e mostrar frieza para tocar por entre as pernas de Van der Sar.

A partir dai o jogo ficou pegado. A Holanda acabou no segundo tempo com um a menos por causa da expulsão de Arthur Numan após uma falta desleal em Simeone. Mas essa vantagem não permaneceria por muito tempo. Ortega fez aquilo que ele adorava fazer e tentou cavar um pênalti, o juiz não foi na dele e ainda lhe deu amarelo. Se deixando levar pelo calor do jogo, o jogador acabou dando uma cabeçada em Van der Sar e acabou expulso.

No lance seguinte, aos 45 do segundo tempo, Frank de Boer saiu jogando e da sua intermediária defensiva lançou Dennis Bergkamp. O atacante do Arsenal decidiu a partida com três toques do seu pé direito. No primeiro, dominou a bola com extrema categoria. De forma magistral, daria um toque para tirar Ayala completamente do lance e outro para, com o lado externo do pé, balançar as redes. E levar a torcida holandesa presente no Estádio Vélodrome à loucura.

Essa pintura de Bergkamp levaria a Laranja Mecânica para a semifinal em um jogo contra o Brasil no qual a Holanda foi eliminada nas disputas por pênaltis.

Mas isso não afetou o talento dos jogadores que viriam a se destacar nos gigantes da Europa anos depois. Van der Sar no Manchester United, Davids na Juventus, Frank de Boer, Overmars e Kluivert no Barcelona e, é claro, Bergkamp no Arsenal. Muito diferente da atual seleção holandesa que sequer se classificou para a Euro 2016 e viu o campeonato pela TV.

Confira os melhores momentos dessa partidaça (ou pule direto para o golaço de Bergkamp aos 2’43”):

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shop giay nuthoi trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautiful