Futebol no Planeta

A mudança do Barça com Ronaldinho Gaúcho

Já fazem 13 anos que o Barça apresentou sua maior contratação para a temporada que estava para começar. Ronaldinho Gaúcho. O clube catalão tinha na concorrência do Manchester United e tiveram que gastar R$ 82 milhões de reais para ter o jogador. Ronaldinho foi apresentado com festa no estádio do Camp Nou. Apresentação tranquila brincando com a bola, aquelas entrevistas clichês e a torcida na esperança de ver dias melhores com aquele que seria  o Showman. Claro que eles não sabiam que a partir daquele momento o barça voltaria a figurar entre os gigantes novamente.

O Barcelona, assim como qualquer outro clube, já viveu momentos difíceis em sua gloriosa história. E o início da década de 2000 foi um deles. A equipe espanhola mergulhava em uma grave crise financeira, não ganhava um título sequer havia 4 temporadas (desde a Liga Espanhola 1998/1999) e contratava jogadores que não condiziam com a grandeza do clube. Essa fase conturbada culminou na eleição de um novo presidente (Joan Laporta assumiu o clube em 2003) e na chegada de um novo treinador, o holandês Frank Rijkaard. Assim, o Barcelona começava um projeto de renascimento no cenário mundial e o jogador escolhido para representar esse momento não poderia ser outro. Ronaldinho Gaúcho, campeão do Mundo pela Seleção Brasileira um ano antes e ídolo no PSG, passava a ser o cara do Barça.

Entre as quatro linhas o jogador foi sensacional. Ajudou o clube a conquistar novamente o campeonato espanho e duas vezes, duas super copa da Espanha e a tão sonhada Champions League na qual o clube catalão havia vencido apenas uma vez. Suas jogadas sensacionais eram de encher os olhos e impossíveis de esquecer. Arrancou aplausos até da torcida do Real Madrid, seus repertório de dribles era imenso, fazia gols de todo jeito e era comparado aos melhores jogadores da história do time do Barcelona. Foram três temporadas de alegria com o brasileiro. Atuações que o fizeram ser eleito  melhor jogador do mundo por dois anos consecutivos. Fora o fato de ser inspiração para o jogador que seria um dos maiores da história do futebol, Messi.

ronaldinho-gaucho-bola-de-ouro

Fora de campo, Ronaldinho foi fundamental não só para o crescimento técnico do clube catalão, mas também na parte financeira. O Barcelona arrecadou com o marketing do craque devido ao seu futebol e ao seu carisma, com vendas de camisas – afinal, todas as crianças desejavam a camisa 10 do Barça – e com os títulos que conquistou. No livro “A bola não entra por acaso”, o ex-dirigente do Barcelona Ferran Soriano deu a seguinte declaração para explicar a importância de Ronaldinho Gaúcho no processo de reconstrução do clube espanhol: “O time foi construído com diferentes peças e com o know-how de Txiki Begiristain e Frank Rijkaard, mas teve um porta-bandeira: Ronaldo de Assis Moreira, o Ronaldinho Gaúcho. A qualidade técnica, o rendimento e o carisma desse jogador foram a ‘cara’ do novo projeto. A contratação custou bastante dinheiro e muito trabalho por parte do então vice-presidente do Barça, Sandro Rosell, que usou seus contatos da época em que trabalhava para a Nike no Brasil para convencer o Ronaldinho a ir para o Barça(…) Em cinco anos, a renda do Barcelona cresceu de forma espetacular. Dos 123 milhões de euros da temporada 2002-2003, passou a 309 milhões de euros no final da temporada 2007-2008.”

Ronaldinho saiu do Barcelona na época em que Pep Guardiola assumiu o cargo de treinador, em entrevista o técnico disse: “Me lembro que Ronaldinho chegou ao Barcelona num momento em que o Barça era um clube triste, sem autoestima, sem espírito vencedor. Com o seu futebol e carisma, Ronaldinho mudou este clube e nos deu autoestima, personalidade e nos encaminhou para as vitórias.”

ronaldinho-gaucho-barcelona-champions-league

Ronaldinho e Barcelona tiveram o casamento perfeito. O craque ajudou o clube a se reerguer e trilhar seu caminho para as glórias e o clube ajudou o craque a se tornar um dos maiores jogadores que o Futebol já viu. Por isso, Ronaldinho ficará marcado para sempre na história do clube. E seu auge ficará para sempre em nossas memórias. Bendito dia 21 de Julho de 2003…

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shop giay nuthoi trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautiful