Futebol no Planeta

Analisando o Borussia Monchengladbach

Uma das maiores forças do futebol alemão, o Borussia Monchengladbach completou 116 anos no dia 01 de agosto, e mostra-se firme e forte neste início de temporada  para dar saltos altos durante as competições.

Depois de conseguirem o acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões ao passar com facilidade pelo Young Boys da Suíça nos playoffs e vencer na estreia da Bundesliga 16-17 por 2 a 1 frente ao grande time do Bayer Leverkusen, os potros como são conhecidos em  Mönchengladbach buscam chegar ao nível mais alto do futebol europeu e fazer frente as grandes potências.

Com uma mentalidade de sucesso de futebol ofensivo na base dos rápidos contra-ataques, solidez defensiva e inteligência tática e uma base no estilo de jogo, o clube que foi comandado pelo suíço Lucien Favre entre 2011 e 2015 querido entre os torcedores, mostra que atualmente sob o comando do alemão André Schubert de 45 anos, o clube pode ser ainda mais forte.

Com Schubert no comando da equipe, o clube mostra que pode ser muito além de um time com duas estrelas (Raffael e Hazard) no meio da escuridão.

O treinador que comandou o Paderborn, o St.Pauli e a Seleção Sub-15 da Alemanha, tem demonstrado desde a temporada passada sua capacidade de treinar uma equipa de alto nível. Apesar de ser eliminado na fase de grupos da última Liga dos Campeões em um grupo com Juventus, Manchester City e Sevilla, o clube não desanima, afinal nesta temporada a equipe terá uma missão tão difícil quanto a última em um grupo com Barcelona, Celtic e mais uma vez o Manchester City.

André Schubert desde que chegou ao clube em 2015 tem 54,29% de aproveitamento nos jogos da equipe.

André Schubert desde que chegou ao clube em 2015 tem 54,29% de aproveitamento nos jogos da equipe.

Na fase de grupos da Liga dos Campeões, o Borussia Monchengladbach terá de colocar seu estilo de jogo a prova pelo Grupo C frente as potências do futebol atual (Barcelona e City) e também frente ao tradicional Celtic da Escócia no duelo que promete ser o mais equilibrado do grupo.

Na fase de grupos da Liga dos Campeões, o Borussia Monchengladbach terá de colocar seu estilo de jogo a prova pelo Grupo C frente as potências do futebol atual (Barcelona e City) e também frente ao tradicional Celtic da Escócia no duelo que promete ser o mais equilibrado do grupo.

Para entendermos como a equipe tem funcionado nesta temporada é preciso conhecer o plantel e as táticas implantadas dentro de campo.

PLANTEL 2016-2017

GOLEIROS

goleiros-borussia-monchengladbach

No gol a equipe conta com 4 jogadores. O suíço Yann Sommer é o principal deles sendo titular tanto no clube como também em sua Seleção.

DEFENSORES

defensores-borussia-monchengladbach

Entre os jogadores da defesa Christensen que está emprestado pelo Chelsea no clube é um dos grandes destaques junto a todos os outros que atuam na equipa quando ocorre o rodízio de jogadores. O americano F. Johnson e o sueco Oscar Wendt destacam-se pela maneira ofensiva que atuam pelos lados do campo.

VOLANTES

meio-campistas-borussia-monchengladbach

Este é certamente o setor mais completo do clube. Com talentos como Hazard, Krammer, Hann e Traoré, a equipa que trabalha bastante o futebol coletivo de toque de bola usa os volantes como uma das principais armas para vencer os jogos.

MEIAS E ATACANTES

meias-atacantes-borussia-monchengladbach

Com apenas 3 atacantes na equipe principal, o brasileiro Raffael de 31 anos é o grande destaque ofensivo da equipe e desde o início da temporada já tem mostrado que será uma das estrelas de todo o plantel durante o decorrer do ano.

Para se ter uma noção de como a equipe se comporta durante os jogos vamos ter como base as escalações nos jogos diante do Young Boys pelos playoffs da Liga dos Campeões.

16.08.16 – YOUNG BOYS 1 X 3 BORUSSIA M.

BORUSSIA-M-YOUNG-BOYS

Na primeira partida que foi realizada na Suíça, o Borussia Monchengladbach jogou em seu tradicional 3-5-2 que por vezes pode ser visto como um 3-4-3. Nesta partida em especial o camisa 16 Traoré e o também o 17 Wendt apoiaram o ataque pelos lados como alas.  O jogo que foi vencido por 3 a 1 teve 2 gols de Raffael e um de Hann que marcou em seu primeiro lance dentro de campo.

24.08.16 – BORUSSIA M. 6 X 1 YOUNG BOYS

YOUNG BOYS -BORUSSIA M

Jogando sempre no erro do adversário em uma espécie de contra-ataque no melhor estilo do futebol alemão, a equipe entrou em campo com duas alterações em relação a partida anterior: Herrmann e Johnson foram colocados no time titular no lugar de Traoré e Wendt. O resultado? 6 a 1 com Hat-trick de Raffael e Hazard.

Toda grande equipe precisa de um grande estádio e no Borussia Monchengladbach não é diferente! O clube da cidade de Monchengladbach dispõe de um lindo estádio por nome de Borussia-Park com capacidade 54.000 torcedores. O estádio substituiu em 2004 o Bokelbergstadion que tinha capacidade para 34.500 torcedoes. O estádio inaugurado em 1919 foi a casa da equipa até 2006 quando foi demolido e o local serviu para residência de moradores a partir de 2007. No Borussia-Park o clube tem a modernidade de um estádio de nível mundial onde a claque não para de cantar por um segundo, mas foi no Bokelbergstadion que o clube viveu o auge de sua história com o vice-campeonato da Liga dos Campeões em 1977. Foi na década de 70 que o clube dominou o futebol alemão com duas Copas da UEFA, um pentacampeonato da Liga Alemã, uma Copa e também uma Supercopa totalizando 9 títulos em uma década.

Borussia-Park, casa do Monchengladbach.

Borussia-Park, casa do Monchengladbach.

Nas últimas temporadas o clube tem se caracterizado pelas vendas de grandes jogadores e por conseguir fazer reposições a altura. Saíram Kramer, Kruse e Xhaka desde 2015. Kramer foi emprestado, mas já está de volta, Kruse está no Wolfsburg e o suíço Granit Xhaka que pode atuar como atacante e meia e estava sendo o capitão da equipa foi vendido ao Arsenal por um valor de 30 milhões de libras aproximadamente.

Granit Xhaka, 2015-16.

Granit Xhaka, 2015-16.

Agora o que se espera é que o time resgate um pouco do orgulho da década de 70 e com um futebol vistoso possa fazer frente as grandes potencias continentais e continuar mostrando sua força diante de todos os adversários. Com o brasileiro Raffael e o habilidoso belga Thorgan Hazard (Irmão mais novo de Eden Hazard) na frente o clube tem tudo para crescer cada vez mais.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shop giay nuthoi trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautiful