Futebol no Planeta

É o fim do futebol feminino no Santa Cruz

O Santa Cruz fechou seu departamento de futebol feminino. Com salários de R$ 250, jogadoras estão sem receber há meses.

Elaine Campos, uma das jogadoras da equipe, desabafou: ”Fomos contratadas para jogar pelo clube. Por amor, saímos de nossos estados, de nossas casas para tornar um sonho realidade. Porém, não foi e nem está sendo isso que está acontecendo. Meninas de São Paulo e eu, do Mato Grosso, fomos esquecidas. Isso mesmo. Esquecidas com salários de R$ 250, meses de atrasos, sem alimentação e sem passagem para voltar para casa. Por acaso vocês estão sabendo disso? Nós temos um contrato assinado e queremos nossos direitos.”

A várzea no futebol brasileiro se mostra a níveis alarmantes. Já não bastasse a miséria de “salario” (ou melhor, esmola), a diretoria do Santa Cruz ainda conseguiu atrasar os pagamentos. É desumano, é inconcebível e, não só a CBF, mas as autoridades tem que agir de alguma forma.

Recém contratado pelo Atletico Paranaense, o atacante Grafite jogou muita merd* no ventilador, dizendo inclusive que alguns jogadores não tinham nem café da manhã e que muitos outros jogadores tinham que ajudar os demais nas despesas.

Lamentável, vergonhoso.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shop giay nuthoi trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautiful